top of page

Qual a relação entre Cloud Development Environment e Platform Engineering?



Duas pessoas em cima de uma plataforma olhando para o horizonte


Você é líder na sua empresa? Veja se você se identifica com esse cenário, digamos, “hipotético” 😉


Devido à pressão para entrega de mais funcionalidades e outras diversas demandas para o seu negócio, a palavra de ordem durante bastante tempo foi “temos que escalar”.


Para isso, você e o restante da liderança pensaram provavelmente nisso:


  • Maior autonomia para os times de desenvolvimento;

  • Adotou “you build it, you run it”, afinal se a Amazon faz, certamente é assim que se faz;

  • Cada time configura e utiliza sua própria stack;

  • O time passou a ter maior responsabilidade sobre seus deploys;

  • Cada time tem o seu Analista DevOps próprio para cuidar de CI/CD, e quem sabe de infraestrutura também.


E por um bom tempo, todo mundo estava feliz!


Até que algumas problemas começaram a acontecer:


  • O backlog dos times de desenvolvimento para cuidar de infraestrutura e débito técnico aumentou!

  • Problemas comuns foram resolvidos de maneiras diferentes por cada time.

  • Sessões técnicas de compartilhamento foram criadas para “trocar experiências”, mas não deram o resultado esperado;

  • Dependências entre times se tornou um grande desafio de coordenação de entregas maiores;

  • A transferência de skills é mais difícil, pois os times usam ferramentas diferentes para os mesmos problemas.


De uma forma mais simplificada, todos esses problemas geram uma Developer Experience (DevEx) ruim, forçando o time de desenvolvimento a executar diversas atividades que não estão diretamente relacionadas ao seu objetivos: entregar software ao negócio.


Muito trabalho redundante se acumula e se espalha pela organização, causando enorme desperdício de tempo e esforço.


E por fim, algumas consequências desses problemas:

  • Pessoas com burnout

  • Entrega de software devagar (menos deploys)

  • Aumento de falhas na deploy de software

  • Software de menor qualidade

  • Rotação maior no time de desenvolvimento


Para atacar esses desafios, a prática de Platform Engineering tem se tornado cada vez mais crítica dentro das empresas para garantir continuidade e qualidade das entregas dos times de desenvolvimento de produtos, sendo uma evolução das práticas DevOps.


Organizações que adotam Platform Engineering estão entre as que têm maior performance de entrega de software.


A missão de um time de Platform Engineering é reduzir o tempo que os times de desenvolvimento precisam gastar com atividades administrativas e de operação, bem como reduzir a carga cognitiva necessária para desenvolver, através da construção de um fluxo de desenvolvimento padronizado conhecido como Golden Path (caminho dourado).


Para isso, o time de plataforma seleciona ou cria ferramentas e cuida da manutenção e operação das mesmas. O resultado é que o time de desenvolvimento tem mais tempo e foco para desenvolver.


Adotar uma solução de Cloud Development Environment (CDE) é uma das melhores estratégias para que o time de plataforma forneça uma excelente DevEx para toda a organização.


A CPS1 é uma plataforma de Cloud Development Environments instalada na sua nuvem.


Em poucos segundos um ambiente de desenvolvimento é provisionado e configurado com IDE, serviços e ferramentas da sua empresa para o desenvolvimento.

Comments


bottom of page